terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Resenha 25: Entre o Amor e o Sacrifício

Entre o Amor e o Sacrifício Nome: Entre o Amor e o Sacrifício
Ano: 2013
Autora: Gisele de Assis
Páginas: 347
Editora: Edição Kidle

Sinopse:
Kate Miler não era exatamente uma jovem normal. Ela era uma garota solitária que se sentia estranha e diferente. Havia sido misteriosamente abandonada em um orfanato quando era um bebê prematuro, com poucas chances de sobrevivência. Se não bastasse ter a capacidade de presenciar criaturas perversas e entidades demoníacas, sofria constantes pesadelos inexplicáveis que, sempre a levavam à morte. Filha adotiva de um jovem casal, eles se mudavam constantemente, no entanto, Kate sabia que esta era só uma desculpa para fugirem novamente de uma cidade para outra, ela só não sabia a razão pela qual os pais mentiam. Aliás, essa seria a sua terceira adoção, pois, suas famílias antecedentes haviam sido brutalmente assassinadas, enquanto Kate ainda era criança e por algum mistério, só ela havia sobrevivido, mesmo estando presente em meio aos ataques. Aos dezenove anos, em uma nova cidade, ela conhece um grupo de jovens misteriosos com poderes sobrenaturais que são responsáveis a desempenharem estranhas e secretas missões, entre eles, está um rapaz bonito e ardiloso que vive confrontando-a e não larga do pé dela. Mesmo seduzida pelo seu sorriso cativante e sentindo uma forte conexão por ele, Kate tenta afastá-lo de diversas maneiras, porém, não consegue evitá-lo e uma atração inevitável surge entre os dois. Cansada de fugir e sentir medo, ela decide embarcar em uma jornada em busca da verdade, contando com a ajuda de seus novos amigos, para descobrirem quem, e o que, realmente ela é. Kate só não imagina que por traz de todo este mistério que envolve a sua vida, existe uma disputa entre seres sobrenaturais do mais alto escalão que habitam mundos místicos e desconhecidos pela raça humana, e que a recompensa dessa batalha a ser conquistada seria nada menos do que ela.

Primeiramente eu gostaria de agradecer a autora Gisele por ter me disponibilizado uma cópia desse livro maravilhoso!

Esse é o primeiro livro da série Guardiões de Orfheus.
Como dizer que eu simplesmente amei esse livro? Ainda não acredito que não foi publicado por uma editora! Sério, é muito bom. Esse livro é a prova de que Brasileiros também podem escrever uma boa literatura, não é só a estrangeira.

Este livro é narrado inteiramente na terceira pessoa. Conta a história de Kate, uma garota cheia de mistérios que vê seus pais adotivos serem mortos em intervalos de alguns anos. Essa sua última família adotiva a colocou em uma escola cheia de Guardiões para a proteção da filha, lá Ela acaba conhecendo Jaike um amável -e até mesmo sexy, rs- Guardião de Orfheus.
O que eu posso dizer do Jaike? Que eu quero ele pra mim! Pelo Anjo -mania de Shadowhunter- que personagem é esse? Sério, eu amo ele. Mas enfim, vamos voltar a resenha.
Logo os guardiões percebem que há algo de errado com agarota. Sua aura é distorcida... Não é humana!
Mais conflitos envolvem a família da garota e ela se vê dividida entre duas congregações e em cada uma ha um garoto que gosta dela.. Afinal, Kate é uma garota linda. Então Kate decide ficar com seu amado Jaike, mas muitas coisas acontecem durante a história.
Tem umas partes mais... Sérias, tensas, digamos assim. Como o capítulo Doze - Exorcismo. Mas os personagens são engraçados e é uma leitura deliciosa. Nos momentos de Kate e Jaike dá uma aquecida no seu coração, sabe? Nossa!
Bem, o livro não envolve só romance como vocês podem estar pensando. Não. Na verdade, a maior parte do livro eles querem descobrir oque realmente a Kate é. E tem um final completamente surpreendente.
Quando eu terminei o livro e li aquela última frase antes do Epílogo eu fiquei: Como é?!
Sim, eu até postei no twitter com a Caps Lock ligada um: COMO É QUE É?!
E... Hey, Gisele, se estiver lendo isso aqui: Pelo Anjo, eu preciso da continuação!

Outra resenha curta galera, acho que estou perdendo a habilidade :( Mas enfim, espero que tenham gostado.
Eu super recomendo esse livro incrível que até me lembra Instrumentos Mortais, e eu vou até imitar algo de trás do livro de Cidade de Vidro, diz assim: ''Um quê de Harry Potter... E isso é um senhor Elogio!'' Porém eu irei modificar para: Entre o Amor e o Sacrifício possuí um quê de Instrumentos Mortais, e isso é um senhor elogio!
Não é querer comparar nem nada mas toda essa coisa de demônios me lembrou os livros da Cassandra, e eu descobri que a Gisele é uma grande fã da autora -assim como eu \o

PS: Eu ainda vou entrar em contato com a Gisele para ver se conseguimos uma pequena entrevista com ela, o.k? Mas, leiam esse livro que é ótimo! A autora já recebeu até uma proposta de uma editora internacional para publicá-lo.
Compre aqui


2 comentários:

  1. AMEIII a resenha Rafa! Muito obrigada pelo seu apoio e carinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado, Gisele! Disponha (:

      Eliminar